Este site utiliza cookies para permitir a mudança de língua e o armazenamento dos seus imóveis favoritos. Ao utilizar este site, concorda que o mesmo utilize cookies.

Pesquisa de Imóveis

Vendem-se Estufas de Morangos em Sistema Hidropónico NGS Oscilante

175.000€


Partilhar

Referência

01179/AV

Natureza

Venda

Tipo de Imóvel

Negócio

Tipologia

Não se aplica

Estado

Semi-Novo

Certificado energético

Não se aplica

Ano

2016

Distrito

Coimbra

Concelho

Soure

Freguesia

Samuel

Código Postal

3130

Área Útil

2000 m2

Área Bruta

0 m2

Área de Terreno

14150 m2



Localizado na Freguesia de Samuel, Concelho de Soure, Distrito de Coimbra, este empreendimento está equipado com toda a tecnologia indispensável. O sistema produtivo, assenta na tecnologia NGS oscilante, que permite para além de muitas outras possibilidades, o cultivo de 40.000 plantas numa área de 2000m2 o que equivale em solo a cerca de 7000m2,  a laboração em perfeitas condições ergonómicas e completa limpeza do espaço uma vez que o solo esta forrado com tela, que evita a propagação de pragas, diminuindo assim radicalmente a necessidade do uso de produtos fitofármacos, e completa limpeza da cultura. De referir que este sistema é completamente automatizado no que refere ao seu manuseamento. O controlo climático da estufa é assegurado pelas aberturas zenitais também completamente automatizas devido a existência de uma sonda climática no interior que emite informação para a estação de controlo climático. As aberturas laterais são manuais, contudo possuem um sistema de cremalheiras de redução o que torna a sua abertura e fecho extremamente facilitada. Dispõe de área bastante significativa de implantação e possibilidade de ampliação, encontra-se capacitada para 40 000 plantas e uma produção média de 5000 kg mensais de morangos, estando dotada de furo destinado à captação de água com cerca de 100 metros de profundidade, boa iluminação, armazém de 150 m2 onde se encontra inserido todo o sistema hidropónico, tal como câmara frigorífica. No interior do armazém, encontra-se todo o sistema autómato digital que assegura todo o funcionamento do empreendimento, sendo que tem a possibilidade de ser controlado remotamente por via de comunicação GSM e software apropriado. Existe um anemómetro no exterior do armazém que emite informações de velocidade do vento e/ou precipitação para a estação climática digital, que por sua vez em conjunto com a sonda climática no interior da estufa regulam todas as componentes meteorológicas adequadas a cultura praticada e asseguram total segurança a estrutura da estufa. Igualmente existe outra estação digital de controlo completo do sistema de bombagem para armazenamento de água no tanque subterrâneo e distribuição pelos tanques destinados a solução nutritiva. Esta estação controla igualmente todos os procedimentos de rega da cultura, como por exemplo, dias, horas e numero de regas pretendidas, controlo de enchimento dos tanques, controlo do sistema de bombeamento, receção da solução nutritiva não absorvida pela cultura para os tanques de onde saiu, controlo de PH e Condutividade Elétrica da água e da solução nutritiva, controlo de bombeamento da solução nutritiva através dos caudalímetros do sistema
instalado, entre muitas outras funções possíveis que tornam este sistema uma ferramenta completamente dotada da melhor e mais moderna tecnologia existente ao nível de cultura hidropónica. De referir a existência de um segundo tanque subterrâneo de apoio que se encontra já com todas as ligações instaladas prevendo a eventualidade de expansão da área de estufa pelo menos para o dobro da área atualmente instalada. O armazém permite também o acesso de viaturas pesadas ao seu interior para possibilitar a transferência do produto produzido que poderá estar armazenado na câmara frigorífica ou simplesmente no interior do espaço. A instalação elétrica é trifásica e está preparada pelo menos para uma potencia de 20,7 Kva. Existe também ligação ao interior da estufa com sistema de iluminação e tomadas monofásicas e trifásicas. Existem igualmente dois pontos de água para apoios diversos no interior da estufa. Este unidade é quase um manual de boas práticas em termos de produção, o mesmo se podendo dizer ao nível da localização e acessibilidades, já que, para além de bem inserida no seu próprio meio, dispõe simultaneamente de vias de comunicação de proximidade que garantem escoamento rápido nos distritos de Coimbra, Aveiro e Leiria, e também nos mercados de menor dimensão, embora igualmente importantes.
Geral
VistasCampo:Sim
VistasSerra:Sim
Exposição SolarNascente:Sim
Exposição SolarPoente:Sim
GeraisBalança:Sim
GeraisCalhas técnicas:Sim
GeraisElectricidade trifásica:Sim
GeraisKVA:20.7
GeraisReservatório de agua:Sim
Luz NaturalMuito Iluminado:Sim
Armazém:150 m2

Contactar Imobiliária

*preenchimento obrigatório
Ao clicar em 'Enviar', declara que aceita a nossa Política de Privacidade.